seus lados

Ask me anythingSubmitNext pageArchive

🚬

"terminei de fumar meu cigarro pra falar de você infelizmente. Não sei porque ainda lembro de você. Não, não é porque hoje é dia dos namorados, bom na verdade eu acho que não é por causa disso. Eu só ainda olhei sua galeria de fotos, e a saudade com esse sono pesado, de mexeu um pouco mas nem chegou a acordar, só que nessa mexidinha saiu um perfume doce dela, não é o seu cheiro, mas é tão gostoso quanto a sua risada linda (se sua risada tivesse um cheiro seria esse). Queria já ter esquecido o som da sua risada também, e saber como você é escalafobeticamente comilão e engraçado e porco. Grandão, orgro. O que não me faltam são lembranças suas que eu tento soca-las em algum lugar na minha mente. Vejo na alegria de alguns casais nossas tolices juntos, nossos filmes de madrugada, nossas caixinhas de bombom durante a semana pra comemorar qualquer coisa. Poderia ficar falando da minha eterna saudade, e queria ser otimista e não tão burra de querer tudo isso lindo na minha vida novamente, mas como se ninguém conseguisse esta astúcia se não, você. O dito cujo. O garoto mais bonito e ridículo da cidade. Não era pra eu escrever pra você. Saia dos meus pensamentos, me deixe encontrar outros poréns pra sentir uma vasta alegria outra vez. Da um pouquinho do seu encanto pra eu dividir com outro alguém e quem sabe te livrar da minha cabeça. Sou fraca, e ainda não vejo solução pra toda essa saudade querendo acordar."

- Leila PC